House of Cards 0 x 1 Lobo de Wall Street

Se havia dúvida sobre a essência que prevaleceria, a teoria da conspiração perdeu a batalha para a perspectiva de recuperção. Esta é a política pelo mundo.

Se ontem havia uma dúvida sobre a essência que prevaleceria no mercado nesta sexta… a teoria da conspiração perdeu a primeira batalha para a perspectiva de recuperar o tempo (e o dinheiro) perdido em 2016. Esta é a política pelo mundo.

Trump chegou, falou, bradou… uma verborragia que segue parecendo discurso de campanha. Um modelo que não parece exequível, ao menos não literalmente. Do nosso lado, o mau tempo na região de Paraty parece ter efetivamente consolidado a primeira impressão de acidente. Sendo assim, parece que aos olhos do investidor, mais vale garantir a manutenção da onda positiva do que especular contra o próprio patrimônio.

Em seu discurso absolutamente anti-protocolar, típico de seus arroubos de campanha, o novo “Commander in Chief” foi ainda mais populista, mas não trouxe nada de novo. Para aqueles que não viram, vale buscar a cena das assinaturas de Donald Trump e perceber as expressões de Paul Ryan, seu adversário de primárias e agora integrante do time.

Enquanto isso em Davos, Theresa May dizia que após o Brexit, buscará acordos bilaterais importantes com países emergentes, como Índia e Brasil. No início de 2016, levamos aos nossos clientes uma visão de BR Exit (em uma interpretação de saída para o Brasil). A geração de incertezas sobre a economia européia era altamente previsível, tanto quanto a posição do BCE, seguindo a linha do quantitative easying. Em bom português, licença para imprimir dinheiro. Dito e feito. O fluxo que acelerou a Bolsa brasileira no segundo semestre do ano que passou veio do excedente de liquidez. Depois disso tudo, eles ainda vêm buscar acordos bilaterais: “God save the Queen“.

Ibovespa

Tudo isto batido no liquidificador da geopolítica e o principal índice da Bolsa brasileira fechou em alta de 0,89%, aos 64.521pontos. Uma importante demonstração de resiliência do nosso mercado. Os mais de R$ 6 bilhões de volume negociado deram o tom do que pode vir por aí nas próximas semanas.

Mais uma vez as ações da Vale ficaram entre os destaques positivos da Bolsa. Quando perguntamos no dia 10/01, “Vai apostar contra a Vale?“, levamos a percepção de força e de tendência positiva para os papéis da companhia. VALE5 +4,74% e BRAP4 +5% mostram quão sério os investidores estão olhando para a companhia.

Outro destaque positivo ficou com as ações NATU3, em alta de 2,82%. Elaborado pela dupla Giovana Scottini e Daniela Bretthauer, na próxima segunda-feira 23/01, será publicado o relatório de início de cobertura da Natura, para todos os clientes Renda Variável, Carteira Eleven e Eleven Full.

As maiores quedas do dia ficaram para aquelas que mais subiram ontem. Fibria -3% e KLBN11 -2,8% viram muita realização de operações de curto prazo pesarem sobre seus papéis, principalmente pelo enfraquecimento do dólar no dia de hoje frente a basicamente todas as moedas emergentes. A moeda norte-americana fechou a semana cotada a R$ 3,18.

Outra companhia coberta pela Eleven, CIELO segue seu calvário com cada vez menos confiança do mercado na sua capacidade de enfrentar as mudanças regulatórias e os desafios concorrenciais em 2017. Os papéis CIEL3 encerraram o dia cotados a R$ 24,54, queda de 2,66% e de 12% somente este ano.

Novidades na Eleven

Seguindo nosso plano de levar cada vez mais dinâmica aos nossos clientes, hoje estreamos o Stock Guide Eleven, com todas as companhias cobertas pela Eleven em um só arquivo, com preço-alvo e e recomendação clara para cada um dos papéis. Uma ferramenta para sua tomada rápida de decisão visando levar aos investidores ainda mais chance de aproveitar o timing ideal de entrada e saída em cada ativo.

Ontem foi publicado um dos nossos relatórios mais procurados. O Macro Brasil 2017 tem tudo o que você precisa para entender a determinação das principais tendências que devem “fazer preço” no mercado ao longo do ano.

Também fechamos a semana do lançamento de nossa primeira recomendação de Fundos Multimercados, com uma escolha que nosso time julga que é ideal para quem quer diversificar, sem abrir mão de performance e equilíbrio entre risco e retorno. Conheça a escolha da Equipe Eleven Financial.

Ainda que a tensão potencial ligada à tragédia de ontem não tenha sido eliminada, para o mercado prevaleceu a crença no que pode ser afirmado (que é a chance de lucro) sobre a especulação, mesmo em um dia de muita incerteza global é uma notícia digna de um bom brinde durante o descanso de final de semana.

House of Cards 0 x 1 Lobo de Wall Street. Tim tim!

 

Preços