Ibovespa fica pra trás em dia de euforia global

índice europeu Euro Stoxx subir 2,13% e o índice americano S&P negociar com alta de mais 1,3% no pregão de hoje.

Ibovespa demonstra sinais de fraqueza em dia de euforia global.  A performance do principal índice de ações da bolsa brasileira decepcionou os investidores locais. Infelizmente, não fizemos parte do rally que fez o índice europeu Euro Stoxx subir 2,13% e o índice americano S&P negociar com alta de mais 1,3% no pregão de hoje. O presidente dos EUA, Donald Trump, discursou ontem pela primeira vez no Congresso americano e trouxe de volta ao jogo o programa de expansão fiscal no montante de 1 trilhão de dólares, provocando as altas nas bolsas internacionais. Os míseros 0,49% de alta do Ibovespa nos faz questionar a força dos ativos brasileiros nos próximos dias.  Por outro lado, a performance fraca do índice pode ser explicada pelos 2 dias em que os mercados locais estiveram fechados enquanto as bolsas globais amargavam quedas. Quer entender mais sobre ações? Conheça o nosso produto Renda Variável Eleven

O destaque de alta do Ibovespa ficou para as ações da Qualicorp (QUAL3, +5,0%), seguidas pelos ativos da Ecorodovias (ECOR3, +4,7%) e Weg (WEGE3, +3,6%).

Outro destaque de alta ficou para os ativos da CardSystem, que tiveram alta de 6,9%. O papel é uma das recomendações da Eleven (conheça nosso produto Carteira Eleven).

As maiores quedas do dia ficaram para os ativos Suzano (SUZB5, -2,9%), Cosan (CSAN3,-2,2%) e Bradesco (BBDC3, -2,2%).

Dólar

Dólar teve queda de 0,61% frente ao Real fechando em R$ 3,09, indo na contramão do Dólar no mercado de moedas.  Já os juros futuros tiveram outra sessão de queda na expectativa de que a ata do Copom, que será divulgada amanhã pela manhã, revele sinais de que o Banco Central irá reduzir em 100 bps a taxa Selic na próxima reunião. Entenda como investir em títulos públicos com a queda dos juros em nosso produto de Renda Fixa.