Sunday Prates: Risco e retorno. Como lidar com eles em seus investimentos?

Um dos dogmas no mundo dos investimentos, é que existe uma relação direta entre risco e retorno. Quanto mais risco assumido, maior será a recompensa.

Um dos dogmas sagrados no mundo dos investimentos, é que existe uma relação direta entre risco e retorno. Quanto mais risco você assumir em sua carteira, acadêmicos e a maioria dos profissionais concordam, maior será a recompensa sob a forma de retornos mais altos. Quanto menor o risco assumido, menor será o retorno. Em suma, você não consegue ganhar dinheiro na Bolsa assumindo riscos baixos. É dessa relação que surge o clássico gráfico entre risco e retorno. A linha se inclina para cima à direita, indicando que a relação direta: quanto mais risco, mais retorno.

“Value investing é avesso ao risco.” – Seth Klarman

 

O senso comum então é de que se você quiser ganhar mais dinheiro, a resposta é simples: aumente seu risco. Claro, se a discussão terminasse por aí, você poderia apenas marcar seu nível de risco desejado e receber o retorno merecido. Em um mercado perfeitamente eficiente, essa relação entre risco e retorno deveria ser verdadeiramente observada.

Mas afirmar que investimentos arriscados entregam maior retorno é uma falácia. Por que? Simples: se investimentos com muito risco produzissem rendimentos consistentemente mais elevados, eles não seriam mais arriscados. Obviamente, uma vez que você está à procura de oportunidades na Bolsa onde há investimentos com preços imperfeitamente definidos (ações fora do radar que o mercado não precificou corretamente), essa relação tradicional entre risco e retorno não se aplica.

Os retornos passados contam apenas parte da história. A formulação correta é que, a fim de atrair investimentos, os ativos de maior risco têm de oferecer a possibilidade de retornos mais altos. Nosso time de Renda Fixa aborda constantemente esta relação em todas as suas análises, mas a verdade é que, em Renda Variável, dada a complexidade das relações entre fundamento e fluxo, a dinâmica é diferente.

Não há absolutamente nenhuma garantia de que ganhos potenciais irão de fato se concretizar. Temos que saber quanto risco eles correram para obter os retornos registrados em períodos anteriores para que possamos avaliar se fizeram um bom ou um mau investimento. Assim, está estabelecido o conceito de retornos ajustados pelo risco. Portanto, uma melhor representação da relação risco x retorno seria essa abaixo.

 

A filosofia de investimento em valor ressalta a importância da gestão de risco. Veja, isso não tem nada a ver com a anulação de riscos, mas sobre tomar riscos somente quando somos bem pagos para tal. Investidores habilidosos devem ser capazes de capturar retornos mais elevados em seus investimentos com mais risco, e assim obter maior retorno médio no longo prazo. Investir é comparar o risco de perda de um investimento com seu ganho potencial. Esta é uma tarefa complicada e imprecisa, porém, que um proxy do seu próprio bem pode estar em ordem.

Isso, no entanto, não torna o conceito de risco x retorno irrelevante. Longe disso. Este é certamente um dos conceitos mais importantes para o investidor. Assim, uma maneira de encontrar uma situação de risco x retorno interessante é limitar a dimensão da perda investindo em situações que possuem uma grande margem de segurança, tema do Sunday Prates do último domingo. O upside, embora seja difícil de quantificar, cuidará de si próprio. Em outras palavras, olhe primeiro para baixo, e depois para cima, ao tomar sua decisão de investimento. Se você não perder dinheiro, as alternativas restantes são positivas.

Resumo da ópera: na maior parte das vezes o mercado é eficiente em precificar os ativos de acordo com sua relação risco x retorno. Nosso trabalho na Eleven é encontrar as raras excessões. Acredite, elas existem. A elas damos o nome de investimentos assimétricos: assumimos riscos baixos em relação ao seu ganho potencial.

Ou seja, o investidor não deve evitar o risco a todo custo, mas aceitá-lo no momento certo, nas condições certas e ao preço adequado. Buscar evitar todos os riscos traz em si, uma das poucas certezas em investimentos, que é a certeza de perder retornos acima dos juros.

Um abraço e ótimo domingo!

André Prates

Siga no Twitter: @apratesr